Agente de trânsito morre após ser atropelado no Centro do Rio

Guarda de trânsito David Bezerra da Silva foi morto nesta quarta-feira (11) (Foto: Arquivo pessoal)Um agente de trânsito morreu nesta quarta-feira (11) após ser atropelado quando liberava uma via após um acidente que envolveu um ônibus e um carro na Praça da República, no Centro do Rio, na terça (10). Segundo a Cet-Rio, ao solicitar a liberação da via após a colisão, o motorista do ônibus o atropelou.

David Bezerra de Vasconcelos, de 35 anos, foi socorrido ao Hospital Souza Aguiar, no Centro. Ainda de acordo com a Cet-Rio, ele sofreu fraturas na perna e na bacia.

A ocorrência foi registrada na 4º DP (Praça da República). De acordo com a polícia, um inquérito foi instaurado para apurar o crime de homicídio. O motorista do coletivo foi ouvido na unidade policial. Ainda segundo a corporação, os agentes já requisitaram a perícia no veículo e também solicitou as câmeras de monitoramento instaladas no interior do ônibus para análise.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1.

3 comentários:

Anônimo disse...

E ainda tem gente q dizem q agente de transito não corre risco de vida . Meus pêsames para a família do colega.

sonia isaias disse...

É triste quando lemos notícias sobre esse tipo de morte no trabalhotrabalho.Mais um trabalhador do trânsito que entra para a estatística no nosso brasil. É facil matar um cidadão e nada acontece com quem praticou o crime, o acusado naturalmente será acusado por crime culposo e responderá em liberdade, fazer o que: morto não pode se defender. Já o covarde vai dizer que o agente de trânsito jogou-sena frente do ônibus ou não o viu.como diz a música do cazuza: que país é esse ?

sonia isaias disse...

É triste quando lemos notícias sobre esse tipo de morte no trabalhotrabalho.Mais um trabalhador do trânsito que entra para a estatística no nosso brasil. É facil matar um cidadão e nada acontece com quem praticou o crime, o acusado naturalmente será acusado por crime culposo e responderá em liberdade, fazer o que: morto não pode se defender. Já o covarde vai dizer que o agente de trânsito jogou-sena frente do ônibus ou não o viu.como diz a música do cazuza: que país é esse ?

Postar um comentário